Pedalando pela Avenida Paulista com o Bike Tour SP

26
1107
Pedalando pela Avenida Paulista com o Bike Tour SP

Agitada, antiga, moderna, multicultural, efervescente… Poderia listar aqui muitos outros adjetivos que definem essa avenida que é a cara de São Paulo… Para mim, o melhor cartão-postal da cidade.

Gosto de chamá-la de quintal de casa, pois além da proximidade, também passo muito tempo por ali. Diferentemente de boa parte da população que frequenta a Avenida Paulista diariamente com indiferença, sempre estou (re) descobrindo seus encantos.

Inclusive já publiquei um roteiro turístico para percorrer a Paulista a pé, de ponta a ponta, explorando seus atrativos. Veja em:Um passeio pela mais paulista das avenidas

Há um bom tempo há uma ciclovia na avenida, mas nunca havia me aventurado a percorrer o trajeto de bike. Foi “testando” uma das rotas do projeto Bike Tour SP que vivi essa experiência bem interessante.

Pedalando pela Avenida Paulista com o Bike Tour SP
Cruzamento Paulista e Brigadeiro

O Bike Tour SP

O Bike Tour SP é um passeio gratuito de bicicleta, monitorado e com o auxílio de um aparelho de áudio para a apresentação de informações e curiosidades sobre os pontos turísticos visitados. Atualmente são seis percursos e nós fizemos o “test drive” de todos e estamos compartilhando estas experiências aqui no blog:

Rota Paulista do Bike Tour SP

Fizemos o passeio duas vezes. Na primeira foi o convencional, com a Mariana na garupa do pai. Na segunda foi com o Bike Kids, que tem uma programação e dinâmica diferenciada e vou explicar em um post separado, que sairá em breve.

Escolhemos o primeiro horário, às 9h da manhã. O encontro foi em frente ao hotel Ibis, quase no final da avenida.

Pedalando pela Avenida Paulista com o Bike Tour SP
Crédito: Bike Tour SP/divulgação

Esse tour tem uma característica diferente. Por ser uma região com muita interferência sonora no aparelho de áudio, o guia que vai na frente leva uma pequena caixa de som para reproduzir as gravações com as informações.

Saímos desse ponto pedalando direto, sem paradas, até o início da avenida. E na caixa de som vai rolando umas músicas bem animadas. Nem é preciso dizer que chamamos bastante a atenção e que é bem divertido!

Pedalando pela Avenida Paulista com o Bike Tour SP
Parque Trianon – Crédito: Bike Tour SP/divulgação

Chegamos então ao primeiro atrativo: a Casa das Rosas, um dos lugares mais belos da avenida. Foi construída pelo arquiteto Ramos de Azevedo em 1935 para a sua filha (seu último projeto). Em estilo clássico francês e com um maravilhoso jardim, é um dos últimos casarões remanescentes na avenida e foi tombado como patrimônio histórico. Atualmente funciona como um centro cultural, com atividades gratuitas.

Pedalando pela Avenida Paulista com o Bike Tour SP
Casa das Rosas

A segunda parada é a poucos metros dali, em um ponto onde nos mostram o Hospital Santa Catarina (o primeiro particular da cidade, de 1906) e o Grupo Escolar Rodrigues Alves, ainda em funcionamento no belo prédio de 1919, também projeto de Ramos de Azevedo.

Pedalando pela Avenida Paulista com o Bike Tour SP
Hospital e Maternidade Santa Catarina
Pedalando pela Avenida Paulista com o Bike Tour SP
Escola Estadual Rodrigues Alves

Mais pedaladas e duas outras paradinhas: no cruzamento com a Avenida Brigadeiro Luís Antônio, onde ouvimos o áudio sobre as características dessas duas grandes avenidas, e em frente ao prédio da Federação das Indústrias de São Paulo (Fiesp), um moderno edifício que parece com uma pirâmide, ponto de referência na avenida. Lá funciona também um Centro Cultural com interessante programação.

Pedalando pela Avenida Paulista com o Bike Tour SP
Cruzamento Paulista X Brigadeiro
Pedalando pela Avenida Paulista com o Bike Tour SP
Prédio da Fiesp

A outra parada é no ponto mais clássico: o Museu de Arte de São Paulo (MASP), importante obra da arquiteta Lina Bo Bardi que abriga um acervo maravilhoso!

Mais: Conheça o MASP, um dos mais importantes museus de arte do mundo

Pedalando pela Avenida Paulista com o Bike Tour SP
MASP

Do outro lado uma belíssima área verde que preserva um pouco da Mata Atlântica: o Parque Tenente Siqueira Campos (Trianon), que está bem conservado e com boa infraestrutura, um lugar muito gostoso para caminhar, levar as crianças (há dois parquinhos) ou simplesmente sentar em um banco e relaxar observando o movimento ou lendo um bom livro.

Pedalando pela Avenida Paulista com o Bike Tour SP
Parque Trianon

Na sequência a apresentação do Casarão Joaquim Franco de Mello, um dos últimos remanescentes e também um dos mais antigos (é de 1905!), infelizmente em péssimo estado de conservação. Ao lado fica a outra área verde da avenida, o Parque Prefeito Mário Covas, que na verdade está mais para uma pequena praça, também bem-estruturada e bastante agradável. Lá fica uma das unidades da Central de Informação Turística.

Veja também: Centrais de Informação Turística em São Paulo

Pedalando pela Avenida Paulista com o Bike Tour SP
Casarão Joaquim Franco de Mello
Pedalando pela Avenida Paulista com o Bike Tour SP
Parque Prefeito Mario Covas

A última parada é entre dois shopping centers, um em cada lado da avenida. Não é a cara de Sampa? O Center 3, que não é muito grande, e o Conjunto Nacional, o primeiro da América Latina, inaugurado em 1956.

Pedalando pela Avenida Paulista com o Bike Tour SP
Paulista Center 3
Pedalando pela Avenida Paulista com o Bike Tour SP
Conjunto Nacional

Enfim concluímos o passeio indo até a Praça do Ciclista (um canteiro central que fica entre as ruas Bela Cintra e a Avenida Consolação), fazendo o retorno até o hotel.

O passeio é realizado aos domingos, quando a avenida fica fechada para os carros e vira uma grande área de lazer. Uma vantagem extra, pois é possível fazer o tour e passar horas bem divertidas por lá.

Roteiro inclusivo

A rota é uma das mais inclusivas do projeto, pois conta com opções de bicicletas adaptadas para idosos, pessoas portadoras de deficiência ou com mobilidade reduzida.

Existe a opção hand bike, uma bicicleta com formato diferenciado, na qual a pessoa vai sentada em uma estrutura similar a de uma cadeira de rodas, pedalando com as mãos.

Pedalando pela Avenida Paulista com o Bike Tour SP
Hand bike – Crédito: Bike Tour SP/divulgação
Pedalando pela Avenida Paulista com o Bike Tour SP
Hand bike – Crédito: Bike Tour SP/divulgação

E tem também um trenzinho adaptado, no qual várias bicicletas são atreladas umas às outras, formando um comboio. Essas bicicletas têm um formato diferenciado, com uma cadeira com encosto, na qual a pessoa vai sentada em uma posição mais confortável (semelhante a uma cadeira de rodas). Nessa modalidade a pessoa pode optar por pedalar junto com a turma do trenzinho ou ir apenas como passageiro.

Pedalando pela Avenida Paulista com o Bike Tour SP
Trenzinho – Crédito: Bike Tour SP/divulgação
Pedalando pela Avenida Paulista com o Bike Tour SP
Trenzinho – Crédito: Bike Tour SP/divulgação
Pedalando pela Avenida Paulista com o Bike Tour SP
Trenzinho – Crédito: Bike Tour SP/divulgação

Assine nossa newsletter para receber gratuitamente dicas de viagem e de passeios diretamente no seu email!


 Serviço:

Bike Tour SP: Rota Avenida Paulista

Pedalando pela Avenida Paulista com o Bike Tour SP

Horário: Aos domingos, com cinco saídas: 9h, 10h30, 12h, 13h30 e 15h

Roteiro: com partida e chegada em frente ao hotel Ibis (Av. Paulista, 2.355)

  • Casa das Rosas
  • Escola Estadual Rodrigues Alves
  • Avenida Brigadeiro Luís Antônio
  • FIESP
  • MASP e Parque Trianon
  • Casarão Joaquim Franco de Mello
  • Conjunto Nacional
Todas as informações são referentes à data da publicação deste post. Recomendamos sempre consultar junto ao estabelecimento e/ou serviço se houve alguma alteração.

26 Comentários

  1. São Paulo é nota 1000 ! Amo a Avenida Paulista, preciso sempre andar por ela e apreciar esses lugares que vc apontou. Morro de dó dessa casa Joaquim Franco de Mello. Quando circulo fico imaginando como era no passado cheia de mansões. Esses passeios de bike são muito legais.

    • Pois é Lilian… Fico com vontade de chorar ao ver o casarão tão abandonado! E realmente a Paulista é obrigatória, né? Um lugar muito especial para mim, curto muito! Beijocas!

  2. Se tiver outra oportunidade faça! Há opções aos sábados e domingos. Nós adoramos todas as rotas do Bike Tour SP.

  3. Delícia de passeio Mônica. Não vou a SP há muitos anos, ultimas vezes só passei pelo aeroporto 🙁
    Tem tanta coisa que quero fazer na cidade e este passeio já entrou para a lista.
    Beijos =)

    • Toda cidade tem seus encantos, né? O importante é saber descobri-los… Principalmente na correria do dia a dia. Como eu digo, para viajar não é preciso ir tão longe…E fico muito feliz que curta meus posts sobre a cidade! Adoro escrevê-los

  4. É definitivamente uma boa maneira de conhecer a cidade! Adorava fazer um passeio assim aqui, por Lisboa, mas não é a toa que chamam de “cidade das 7 colinas” 😉

    • É um passeio bem inclusivo mesmo. As crianças adoram! E é muito gostoso ver pessoas que nunca andariam de bicicleta em outras situações curtindo o passeio!

  5. Nada mais saudavel que o exercício fisico, e o andar de bicicleta é uma das formas mais agradaveis de exercitar os nossos musculos! Se a isso for aliado um roteiro cultural como este em São Paulo, é para ter um dia perfeito. Obrigado

  6. Achei fantástica esta ideia de liberar a Paulista para as bikes! Mais cidades deveriam seguir este belo exemplo! Quanto ao passeio, também achei demais! Uma forma incrível de explorar a cidade e fazer exercício ao mesmo tempo!

Comments are closed.